Priscila Schulz de - Receita Esperta -

Olá, eu sou a Priscila, casada com o Darlon, e moramos no Paraná, Brasil. Sou Juíza Leiga na comarca e a cozinheira oficial do site Receita Esperta... também sou a compradora de coisas pra casa... hehehehe. Darlon é contador de profissão e filmador / editor de vídeos de paixão. Comecei sozinha com o blog, fazendo tudo, mas hoje ele é meu braço direito, sempre me ajuda nas edições, ideias e divulgação.

Darlon e eu nos conhecemos há 4 anos, num acampamento de jovens da igreja em Londrina. Nós cremos que existe um Deus, que habita em nós, e é tudo em todos os que o buscam.

Além da culinária, minhas paixões são ler, artesanato, fotografar e viajar (amo organizar viagens e sonhar com destinos novos).

Venha conhecer mais sobre mim, sobre as receitas e dicas espertas. Pode encontrar-me, além do site Receita Esperta, no Facebook, Instagram, YouTube, Twitter, Pinterest, Google+ e no Perfil PetitChef. Também me pode contactar em priscila@receitaesperta.com.br.

Como surgiu a paixão pela cozinha? Quem lhe ensinou, porque ficou?

Minha paixão pela cozinha surgiu com curiosidade, observando sempre minhas avós italianas na cozinha, principalmente a avó do meu pai. Me arriscava um pouco na cozinha sempre que tinha oportunidade, mas foi depois de casada, quando surgiu a necessidade mesmo de saber cozinhar, que me descobri uma apaixonada pela cozinha.

Quem teve a ideia de criar um site de culinária?

Eu. Após casada mudei para uma cidadezinha bem pequena no interior do Paraná, acompanhei meu esposo em seu trabalho. Sou concurseira pública e estava estudando pra concurso, mas me sentia muito pressionada. Então resolvi investir em algo que amava e sabia fazer. Comecei brincando, sem acreditar que poderia dar em alguma coisa. Me descobri apaixonada pela cozinha.

Porque o site se chama Receita Esperta?

Porque minha ideia é passar, além de receitas, dicas espertas para que as pessoas possam fazer tudo aquilo em casa. Procuro simplificar, usar praticidade na elaboração dos pratos. Ademais, o blog não é só de receitas, dou dicas de decoração, viagens, lugares que valem a pena conhecer e comer. São dicas espertas, receitas espertas... que todos podem entrar na cozinha e fazer.

Com que frequência fazem vídeos e receitas para postar?

A postagem começou diária, hoje postamos de 1 a 2 vezes por semana. Vídeos ainda não temos uma frequência, mas estamos estudando isso. Queremos diversificar ainda mais o conteúdo do blog, para alcançar pessoas. A novidade agora nos 2 anos do blog é que teremos um bloco especial para comidas saudáveis.

O que «COZINHAR» significa para si?

Cozinhar é transformar. Pra mim uma terapia e costumo dizer que "é o amor que extravasa"... hehe. Porque quando a gente cozinha com amor, pra pessoas que a gente ama de verdade, a comida tende a ficar mais saborosa. Isso é um grande segredo!

De onde vem toda essa inspiração para criar receitas?

Muitas receitas são de família. Minha avó, mãe do meu pai e sua irmã, minha tia avó, são descendentes de italianos e cozinheiras fantásticas. Aprendi muito com elas e me inspirei nelas. Lembro dos almoços em família, aquelas mesas fartas e todos elogiando aqueles pratos lindos que elas faziam. Acho que a minha inspiração vem daí, desses momentos, histórias, aromas e sabores. Quando cozinho em casa quero poder alcançar isso... essas são minhas memórias felizes da cozinha na infância.

Qual foi a primeira receita que cozinhou?

Nossa... foi tenso! Bolo de Cenoura foi a minha primeira receita. Minha mãe, no dia, estava fora de casa, dando aula, eu tinha 7 anos e peguei seu livro de receitas para fazer o tal bolo. Apenas troquei a quantidade de açúcar por óleo. Imagina? O bolo ficou fino, gorduroso, não cresceu nada... um fiasco. Hahaha... Queria fazer surpresa pra minha mãe e realmente fiz... apenas não do jeito que imaginava. Mas hoje meu bolinho de cenoura é gostoso, viu?!

Se fosse uma receita, qual seria e porquê?

Se eu fosse uma receita seria uma macarronada com o verdadeiro molho italiano, com certeza. Daquela que a gente come sem medo de se lambuzar. Hummm... amo! Tomate e manjericão são um par perfeito!

Tem algum momento engraçado que se tenha passado a cozinhar, ou que tenha que ver com culinária que nos queira contar?

Meu marido, o Darlon, comigo na cozinha sempre gera um momento engraçado. Ele é desajeitado total e não consegue controlar duas panelas no fogo... morro de rir! Mas o melhor é que mesmo não dominando a arte das panelas sempre está lá comigo picando, cortando e dando beijinho. Amo isso!

Qual foi a pior receita que fez?

Tirando meu bolo de cenoura dos 7 anos... hehehe... acho que foi um fondue que fizemos com mozzarella e não deu certo. Ps. - Não use mozzarella para fazer fondue, ok? Ela não funde. Não ficou ruim, mas a textura não deu certo.

Não cozinha sem...? (um robot de cozinha, uma panela fetiche, uma colher da sorte,...)

Não tenho um instrumento curinga assim. Amooo meu processador de alimentos... queria uma batedeira da KitchenAid... é meu sonho! Mas fora isso nada em especial. Costumo falar que na minha cozinha não pode faltar cebola, bacon, tomate e creme de leite... hehehe

Um conselho a dar aos apaixonados de cozinha, e aos outros?

Cozinhe com o coração que a chance de dar certo é bem maior. E, acima de tudo, arrisque-se! Hehehe... Faz parte errar, mas é muuuito legal acertar e ouvir elogios daqueles para quem cozinhamos.

Descubra as receitas da Priscila e «ARRISQUE-SE»!