Amanda e Eloah de -MarolacomCarambola-Amanda Fernandes e Eloah Cristina, viram o mundo pela primeira vez em São Paulo, Brasil. Viveram, trabalharam e se conheceram. Hoje são blogueiras e desenvolvedoras WEB.
Adoram viajar, fotografar, cozinhar e comer. E fizeram de todas essas paixões, a vida delas. Podem segui-las nos 3 blogs que alimentam com tanto empenho e dedicação:
Marola com Carambola - Gastronomia e Turismo
Conexão Fotográfica - Fotografia
Viaja, Bi! - Turismo LGTB

E também no Youtube, Instagram e Facebook.

O PetitChef amou entrar um pouco na vida dessas deliciosas pessoas, venha também.

Para perceber porque têm um blog de cozinha a duas, precisamos saber como se conheceram e quando decidiram começar a cozinhar juntas.

Nós nos conhecemos há muitos anos, em 2006, quando a Eloah foi trabalhar no mesmo prédio que eu trabalhava. Ela era minha cliente. Foi só em 2012 que começamos a namorar, e em Maio de 2013, casámos e decidimos pedir demissão dos nossos empregos e trabalhar juntas no blog Marola com Carambola. A Eloah não cozinha, só eu, Amanda. Ela fotografa as receitas que vão para o site.

Quando e como surgiu a paixão da cozinha, Amanda?

Sempre gostei muito de comida, sempre adorei cozinhar, receber amigos em casa e alimentá-los, mas a paixão mesmo, veio depois que fiz meu primeiro curso na área em 2010. Foi ali que percebi que era isso que eu queria para mim.

Como surgiu a paixão da Fotografia, Eloah?

Quando comecei a faculdade de Design de Mídias Digitais em 2006, tinha aulas de fotografia, e me apaixonei pelo assunto. Foi daí que comecei a comprar câmeras, lentes, acessórios e livros. Depois disso fiz inúmeros outros cursos onde continuei aprendendo muito. Porém um dia cansei e vendi tudo, desistindo completamente. Fiquei 4 anos longe da arte, voltando somente quando resolvemos fazer o site.

Porque criaram um site?

Decidimos criar o site porque não aguentávamos mais trabalhar nos nossos antigos empregos. Eu, Amanda, era funcionária pública, trabalhava para a Caixa Econômica há quase 10 anos. E a Eloah era Coordenadora de Projetos Digitais em agência de publicidade também há muitos anos. Como eu gostava de cozinha, ela de fotografia, e as duas ADORÁVAMOS viajar, resolvemos transformar as nossas vidas e viver de blog.

Expliquem um pouco como é que se 'vive de blog' ?

Viver de blog não é nada fácil. É preciso muita dedicação, inspiração e pulso firme.
Uma das principais maneiras de ganhar dinheiro é com venda de espaço para publicidade, com banners, matérias no site e posts em redes sociais. Outra maneira é com o Google Adsense e também comissão por venda de produtos, serviços e etc. .

O que «Cozinhar» significa para vocês?

Cozinhar significa alimentar o corpo e a alma. Quando cozinho, sempre tento estar em paz, para transmitir o mesmo sentimento para a comida, e por consequência para quem a come.

Se fossem uma receita, qual seriam?

Amanda: Pizza de Pepperoni (AMO pizza);
Eloah: Batatas assadas com alecrim e pimenta rosa.

Gostariam que alguém especial provásse as vossas receitas?

Ninguém em especial. Adoro cozinhar para todo o mundo. Então nunca pensei no assunto, mas ficaria muito feliz se um dia eu cozinhasse para o Alex Atala (Chef de cozinha Brasleiro) e ele gostasse.

Porquê os Marola e Carambola?

O Marola é a parte do turismo do site, e é ligado à praia e ondas do mar, que é um dos destinos que mais gostamos, e o Carambola é a parte da gastronomia, é uma fruta linda e perfumada que também adoramos. A Eloah escreve sobre turismo e eu sobre gastronomia.

Qual foi a pior receita que fizeram? Que aconteceu?

Um Talharim à Alfredo que deu muito errado. É o que dizem: Sempre use bons ingredientes!! Usei um queijo parmesão não muito bom e a receita ficou super oleosa e esquisita, um horror. Peguei trauma e nunca mais consegui repetir a receita.

E a melhor?

Um Mini hambúrguer de bacon com Relish de pepinos e uma paleta suína com geleia de jabuticaba e batatas.

Têm algum momento especial / engraçado que vos tenha acontecido e que queiram partilhar?

Um dia antes do nosso casamento, um repórter entrou em contato comigo perguntando se poderia cobrir a cerimônia e publicar na revista. Prontamente nós aceitamos, é claro. E o que aconteceu foi que o fotógrafo da revista era também fotógrafo de uma grande revista de gastronomia que eu era simplesmente apaixonada. Desde aquele dia somos amigos, e agradeço muito ter aceitado aquele convite. Eu acredito que nada acontece por acaso. Por causa dele, entrámos em muitos eventos gastronômicos que abriram muitas portas para nós com o blog.

Um conselho a dar ao apaixonados de comida? (e aos outros)

Pode parecer clichê, mas nunca desistam dos vossos sonhos e invista tempo e esforço no que você gosta! Trabalhar com o que gostamos é sempre mais prazeroso.


Seguem algumas receitas da Amanda. Encontre todas no perfil PetitChef.