Gastronomia do Distrito de PortalegreCampos ondulados, florestas luxuriantes e clima ameno são típicos do bucólico Distrito de Portalegre. Mas não apenas a natureza exalta esse Distrito, por lá há Castelos Medievais e antigas construções de arquitetura Barroca que completam o panorama. Nesta região de Portugal respira-se história pura, que os Monumentos Romanos e vestígios Megalíticos da pré-história, uma das principais atrações, ajudam a contar. Arte e religião fundem-se na belíssima Sé Central de Portalegre e nos Conventos. Museus, Palácios e espaços de lazer inundam o Distrito, mas os apreciadores da boa cozinha ficam apaixonados com os restaurantes de comidas típicas.

Os pratos à base de Carnes de Caça são os mais comuns, e o ano todo é possível saborear maravilhas como Lebre com Feijão Branco, Lacão Assado, Codorniz Frita, Perdiz de Escabeche e o Maranho à Belverense. Receitas comuns em outras partes de Portugal, como o Caldo Verde, o Cozido de Grão e o Ensopado de Borrego também são encontrados por aqui, assim como pratos à base de Peixe, em especial a Alhada de Cação e o Bacalhau Albardado.

A vida também é cheia de doçuras em Portalegre. O renome culinário não se dá apenas às saborosas Queijadas de Portalegre e o Pastel de Santa Clara com a sua massa folhada e recheio de gemas. Os Rebuçados de Ovos e os Manjares Brancos são de regalar os olhos e agradar o paladar, assim como os Bolos Fintos e a vistosa Sericaia com seu forte aroma de canela.

Delícias não faltam neste Distrito, e sempre há alguém a querer um pouco mais para degustar.