Petitchef

Ingrediente Couve de bruxelas

Couve de bruxelas Pequena, de cor verde vivo e com muitas folhas, a couve de bruxelas, uma planta crucífera, rica em indóis, uma substância que muitos apontam como sendo preventiva de vários tipos de cancro. Com um sabor intenso muito caraterístico, são uma excelente fonte de fibras dietéticas e de ácido fólico. São ainda reconhecidas como ajudantes na redução do cancro do cólon e do estômago. Estas couves são também conhecidas por terem elevada concentração de vitamina C e de betacaroteno.

Onde encontrar

lugares

Em alguns mercados locais e lojas de frutas e legumes é possível encontrar este legume fresco em algumas épocas do ano. No supermercado e nas lojas de congelados estão disponíveis durante o ano inteiro embaladas em sacos de diferentes pesos e congeladas.

Como escolher

conselhos

Escolha-as bem firmes, pequenas e sem folhas amarelas. A sua cor deve ser verde vivo e sem qualquer mancha. No caso de comprar couves de bruxelas congeladas, tenha em atenção o prazo de validade e se o saco for transparente e verificar que há muita acumulação de gelo, não o compre.

Como cozinhar

preparar

As couves de bruxelas frescas devem ser lavadas em água corrente e para que fiquem uniformemente cozidas, deve fazer um corte em cruz na base. Deve manter o recipiente onde está a cozinhá-las destapado para que liberte os gases sulfurosos. Depois pode acompanhar com o prato que quiser, carne ou peixe. Se servir quentes, regue com um pouco de azeite aromatizado. Se servir frias, pode temperar com o seu vinagrete de eleição.

Como conservar

temperaturas adequadas

As frescas conservam-se no frigorífico / geladeira durante alguns dias se não forem lavadas e se retirar as folhas exteriores. As congeladas, tenha em atenção que deve fechar bem o saco depois de aberto, caso não as utilize na totalidade. Não deve voltar a congelar, se descongelarem.

Receitas





Votar neste ingrediente:
Gerar outro código de segurança  = 
Pergunta do dia
Quantas vezes por semana consome carne?
Voto